Crescimento e partição da biomassa de mudas de mulungu sob adubação fosfatada e inoculação micorrízica

Crescimento e partição da biomassa de mudas de mulungu sob adubação fosfatada e inoculação micorrízica
QR Code

Crescimento e partição da biomassa de mudas de mulungu sob adubação fosfatada e inoculação micorrízica

O objetivo desse estudo foi avaliar o crescimento inicial e partição da biomassa de mudas de mulungu (Erythrina velutina Willd.) submetidas a diferentes doses de fósforo na presença e ausência de fungos micorrízicos arbusculares (FMA’s). Foi utilizado o delineamento experimental em blocos ao acaso,...

Full abstract

Saved in:
Translated title: Growth and biomass partitioning of mulungu seedlings in response to phosphorus fertilization and mycorrhizal inoculation
Journal Title: Pesquisa Florestal Brasileira
Main Author: Tiago de Sousa Leite
Other Authors: Rômulo Magno Oliveira de Freitas;
Jeferson Luiz Dallabona Dombroski;
Moadir de Sousa Leite;
Mara Raquel de Oliveira Rodrigues
Palabras clave:
Traslated keyword:
Language: Portuguese
Get full text: http://pfb.cnpf.embrapa.br/pfb/index.php/pfb/article/view/642
Resource type: Journal article
Source: Pesquisa Florestal Brasileira; Vol 34, No 80 (Year 2014).
DOI: http://dx.doi.org/10.4336/2014.pfb.34.80.642
Publisher: Embrapa Florestas
Usage rights: Reconocimiento - NoComercial - SinObraDerivada (by-nc-nd)
Subjects: Sciences --> Biodiversity Conservation
Sciences --> Biology
Sciences --> Environmental Sciences
Applied Sciences --> Agriculture, Multidisciplinary
Applied Sciences --> Agronomy
Applied Sciences --> Forestry
Abstract: O objetivo desse estudo foi avaliar o crescimento inicial e partição da biomassa de mudas de mulungu (Erythrina velutina Willd.) submetidas a diferentes doses de fósforo na presença e ausência de fungos micorrízicos arbusculares (FMA’s). Foi utilizado o delineamento experimental em blocos ao acaso, num esquema fatorial 5 x 2, com quatro blocos e três plantas por unidade experimental. Os tratamentos foram compostos pela combinação de cinco doses de fósforo (0, 50, 100, 150 e 200 mg de P.kg de solo-1), utilizando-se como fonte o adubo superfosfato simples, e presença ou ausência de FMA’s. Aos 98 dias após a semeadura (DAS) foram avaliadas as variáveis: altura da parte aérea, diâmetro do colo, número de folhas, índice de conteúdo de clorofila foliar, matéria seca das folhas, caules e raízes, área foliar, índice de qualidade de Dickson e relação altura/diâmetro do colo. A dose de 200 mg.kg-1 de P mostrou- se a mais eficiente para produção de mudas de mulungu, mas com uma diminuição significativa na associação biológica dessa espécie com rizobactérias. A distribuição de biomassa entre os órgãos das mudas não foi alterada entre diferentes doses de P, não havendo benefícios na utilização de FMA’s até aos 98 DAS.
Translated abstract: The objective of this work was to evaluate the initial growth and biomass partitioning of mulungu (Erythrina velutina Willd.) seedlings under different rates of phosphorus in the presence and absence of arbuscular mycorrhizal fungi (FMA’s). A randomized blocks design in a 5 x 2 factorial arrangement was used, with four replicates and three plants per plot. Treatments consisted of five phosphorus rates (0, 50, 100, 150 and 200 mg.Kg soil-1), using as source the superphosphate fertilizer, and presence or absence of FMA’s. At 98 days after sowing (DAS), shoot height, stem diameter, leaf number, leaf chlorophyll index, leaf dry matter, stem dry matter, root dry matter, leaf area, Dickson quality index and height/stem diameter ratio were evaluated. The phosphorus rate of 200 mg.kg-1 proved to be the most efficient for production of Erythrina velutina seedlings, but with a significant reduction in the biological association of this plant with rhizobacteria. Biomass distribution within the different parts of the plants did not change with distinct rates of P, and there were no benefits in the use of FMA’s until 98 DAS.