O jornalista e a ingenuidade biográfica

O jornalista e a ingenuidade biográfica
QR Code

O jornalista e a ingenuidade biográfica

Reflexão sobre a biografia como projeto narrativo etentativa de efetiva reposição da trajetória de uma vida. O interessemais específico diz respeito a biografias em que a construção pareceter se valido predominantemente de procedimentos, protocolos,valores e forma discursiva que, em geral, caracteri...

Full abstract

Saved in:
Journal Title: Lumina
Main Author: Mozahir Salomão Bruck
Palabras clave:
Language: Portuguese
Get full text: https://lumina.ufjf.emnuvens.com.br/lumina/article/view/111
Resource type: Journal article
Source: Lumina; Vol 5, No 1 (Year 2011).
Publisher: Universidade Federal de Juiz de Fora
Usage rights: Reconocimiento (by)
Subjects: Social Sciences --> Communication
Abstract: Reflexão sobre a biografia como projeto narrativo etentativa de efetiva reposição da trajetória de uma vida. O interessemais específico diz respeito a biografias em que a construção pareceter se valido predominantemente de procedimentos, protocolos,valores e forma discursiva que, em geral, caracterizam o jornalismo.Compreensão dessas biografias, de natureza mais aparente eaparentadamente jornalística, como aquelas que se fundam, a priori,na crença de que é mesmo possível repor, pela narrativa, o percursode uma vida. Toma-se como pressuposto, assim, que, pelo modo comque se relaciona com a informação e pela própria natureza damediação que, cultural e socialmente, faz do real, o jornalista, aoempreender uma biografia o faz, segundo Bakhtin, crendoingenuamente. Ingenuidade que é definida, especialmente, além datendência à aproximação e envolvimento com o que vai levantandosobre a vida do biografado, pela busca de uma narrativa que tentaorganizar linear e coerentemente o curso de uma existência.