PREGNANT WOMEN WHO HAVE HIV / AIDS IN THE CONTEXT OF VERTICAL TRANSMISSION: VISIBILITY OF NATIONAL SCIENTIFIC PRODUCTION IN HEALTH

PREGNANT WOMEN WHO HAVE HIV / AIDS IN THE CONTEXT OF VERTICAL TRANSMISSION: VISIBILITY OF NATIONAL SCIENTIFIC PRODUCTION IN HEALTH
QR Code

PREGNANT WOMEN WHO HAVE HIV / AIDS IN THE CONTEXT OF VERTICAL TRANSMISSION: VISIBILITY OF NATIONAL SCIENTIFIC PRODUCTION IN HEALTH

OBJETIVO: Analisar a produção de conhecimento científico da área da saúde brasileira acerca da temática gestantes que tem HIV/aids no contexto da transmissão vertical. MÉTODO: Revisão integrativa de artigos selecionados na base de dados LILACS, a busca procedeu-se no primeiro semestre de 2010. Utili...

Full abstract

Saved in:
Journal Title: Revista de Pesquisa: Cuidado é Fundamental Online
Main Author: Tassiane Ferreira Langendorf
Other Authors: Stela Maris de Mello Padoin;
Letícia Becker Vieira;
Cíntia Flores Mutti
Palabras clave:
Traslated keyword:
Language: Portuguese
Get full text: http://www.seer.unirio.br/index.php/cuidadofundamental/article/view/1358
Resource type: Journal article
Source: Revista de Pesquisa: Cuidado é Fundamental Online; Vol 3, No 3 (Year 2011).
DOI: http://dx.doi.org/10.9789/2175-5361.2011.v3i3.2109-2125
Publisher: Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro
Usage rights: Reconocimiento - NoComercial - SinObraDerivada (by-nc-nd)
Subjects: Applied Sciences --> Nursing
Abstract: OBJETIVO: Analisar a produção de conhecimento científico da área da saúde brasileira acerca da temática gestantes que tem HIV/aids no contexto da transmissão vertical. MÉTODO: Revisão integrativa de artigos selecionados na base de dados LILACS, a busca procedeu-se no primeiro semestre de 2010. Utilizaram-se os descritores “gravidez” and “HIV” and “1994-2009” e “gravidez” and “síndrome da imunodeficiência adquirida” and “1994-2009”. Critérios de inclusão: artigos de pesquisa. Selecionou-se 41 artigos. RESULTADOS: emergiu da análise do conteúdo duas categorias temáticas: aspectos sociodemográficos e clínicos da transmissão vertical; e assistência à saúde dessas mulheres. CONCLUSÃO: aspectos sociais, clínicos e assistenciais, como baixa escolaridade, transmissão por relação heterossexual, relacionamento estável e despreparo profissional ressaltam a necessidade de estratégias à qualificação da assistência a saúde das mulheres. Há necessidade de inclusão da temática na formação dos profissionais e educação permanente nos serviços de saúde.