DISCLOSING ACTIVES ARQUETIPOS ON THE WOMAN EXISTENCE ON THE HOSPITAL DELIVERY: SOCIOPOETIC STUDY

DISCLOSING ACTIVES ARQUETIPOS ON THE WOMAN EXISTENCE ON THE HOSPITAL DELIVERY: SOCIOPOETIC STUDY
QR Code

DISCLOSING ACTIVES ARQUETIPOS ON THE WOMAN EXISTENCE ON THE HOSPITAL DELIVERY: SOCIOPOETIC STUDY

Este trabalho identifica os arquétipos ativos que influenciam o comportamento feminino no parto hospitalar, através da dimensão imaginativa da mulher referente à sua vivência dessa modalidade de parto. Pesquisa sociopoética desenvolvida com um grupo pesquisador formado por oito puérperas, que aplica...

Full abstract

Saved in:
Journal Title: Revista de Pesquisa: Cuidado é Fundamental Online
Main Author: Iraci dos Santos
Other Authors: Ana Paula Alves Salgado;
Jane Márcia Progianti
Palabras clave:
Traslated keyword:
Language: Portuguese
Get full text: http://www.seer.unirio.br/index.php/cuidadofundamental/article/view/1930
Resource type: Journal article
Source: Revista de Pesquisa: Cuidado é Fundamental Online; Vol 5, No 1 (Year 2013).
DOI: http://dx.doi.org/10.9789/2175-5361.2013.v5i1.3323-3332
Publisher: Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro
Usage rights: Reconocimiento - NoComercial - SinObraDerivada (by-nc-nd)
Subjects: Applied Sciences --> Nursing
Abstract: Este trabalho identifica os arquétipos ativos que influenciam o comportamento feminino no parto hospitalar, através da dimensão imaginativa da mulher referente à sua vivência dessa modalidade de parto. Pesquisa sociopoética desenvolvida com um grupo pesquisador formado por oito puérperas, que aplicaram a técnica de modelagem das deusas, num ambulatório de puericultura do Rio de Janeiro, em 2009. Imaginando as deusas que seriam durante o parto as puérperas significaram suas modelagens, revelando-se as deusas gregas: Ártemis, Deméter, Perséfone e Héstia, a Virgem Maria da igreja católica e a deusa egípcia da destruição, Seckhmet. Analisando o significado desses arquétipos, concluiu-se que as autoras dessas modelagens mostraram suas potências, necessidades e desejos de: liberdade e autonomia no parto, solidão e isolamento, sentir a ligação com seu filho, doação amorosa, sentir-se poderosa e com autoestima. O estudo alerta para a abordagem sensível no cuidado integral das pessoas, visando ampliar ações privilegiando subjetividades e singularidades.