ETHICS AND HUMANIZATION OF SERVICE IN A PRE-HOSPITAL CARE: WHAT DO YOU THINK HEALTH CARE PROFESSIONALS

ETHICS AND HUMANIZATION OF SERVICE IN A PRE-HOSPITAL CARE: WHAT DO YOU THINK HEALTH CARE PROFESSIONALS
QR Code

ETHICS AND HUMANIZATION OF SERVICE IN A PRE-HOSPITAL CARE: WHAT DO YOU THINK HEALTH CARE PROFESSIONALS

Objetivo: Descrever o que pensam os profissionais de saúde do serviço de atendimento pré-hospitalar móvel sobre humanização e a ética no atendimento às vítimas. Metodologia: O método é qualitativo. Estudo é de natureza descritiva exploratória. Foram entrevistados dezessete profissionais do serviço d...

Full abstract

Saved in:
Journal Title: Revista de Pesquisa: Cuidado é Fundamental Online
Main Author: Júlio César Batista Santana
Other Authors: Roberto Carlos Lyra da Silva;
Vanessa Aparecida Gomes de Souza;
Ana Paula Rocha Matos da Graças;
Márcia Maria de Oliveira;
Camila Parreiras Tálamo
Palabras clave:
Traslated keyword:
Language: Portuguese
Get full text: http://www.seer.unirio.br/index.php/cuidadofundamental/article/view/1746
Resource type: Journal article
Source: Revista de Pesquisa: Cuidado é Fundamental Online; Vol 4, No 4 (Year 2012).
DOI: http://dx.doi.org/10.9789/2175-5361.2012.v4i4.2744-2754
Publisher: Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro
Usage rights: Reconocimiento - NoComercial - SinObraDerivada (by-nc-nd)
Subjects: Applied Sciences --> Nursing
Abstract: Objetivo: Descrever o que pensam os profissionais de saúde do serviço de atendimento pré-hospitalar móvel sobre humanização e a ética no atendimento às vítimas. Metodologia: O método é qualitativo. Estudo é de natureza descritiva exploratória. Foram entrevistados dezessete profissionais do serviço de atendimento móvel de urgência (SAMU) do município de Sete Lagoas. A coleta de dados foi realizada nos meses de maio a julho de 2010, através de uma entrevista não estruturada contemplando a seguinte questão: O que você pensa a respeito da ética e humanização da assistência no serviço de atendimento pré-hospitalar?  Os dados foram analisados e discutidos a luz dao análise de conteúdo proposta por Bardin. Resultado: Emergiram cinco categorias temáticas: 1) trabalho em equipe: aspecto fundamental na abordagem ética e humana do cuidar; 2) respeitar os limites quando não mais existe perspectiva de vida; 3) conciliar o atendimento tecnicista com uma visão humanitária; 4) desafios ao lidar com vítimas agressoras e familiares; 5) necessidade de abrir espaços para refletir a prática do cotidiano laboral. Conclusão: Os dados revelam que o trabalho em equipe é fundamental para o processo de humanização e ética do cuidar, é possível conciliar o lado técnico com o humano, porém esse objetivo às vezes não é alcançado devido certas particularidades do atendimento pré-hospitalar. Os limites de vida nem sempre são respeitados e existem desafios a serem superados em relação às vítimas agressoras e os familiares. Descritores: Atendimento pré-hospitalar, humanização, ética, vítima, cuidado de enfermagem.