O ESTRESSE OCUPACIONAL DA EQUIPE DE ENFERMAGEM EM SETORES FECHADOS

O ESTRESSE OCUPACIONAL DA EQUIPE DE ENFERMAGEM EM SETORES FECHADOS
QR Code

O ESTRESSE OCUPACIONAL DA EQUIPE DE ENFERMAGEM EM SETORES FECHADOS

Objetivos: Identificar os agentes estressores no trabalho de enfermagem e discutir as reações apresentadas para minimizar os agentes estressores na atividade laboral. Método:Trata-se de uma pesquisa descritiva com abordagem qualitativa, que utiliza entrevista semi-estruturada para coleta de dados. E...

Full abstract

Saved in:
Translated title: The occupational stress of nursing staff in closed sectors
Journal Title: Revista de Pesquisa: Cuidado é Fundamental Online
Main Author: Caroline de Aquino Pereira
Other Authors: Livia Ceschia dos Santos Miranda;
Joanir Pereira Passos
Palabras clave:
Language: Portuguese
Get full text: http://www.seer.unirio.br/index.php/cuidadofundamental/article/view/346
Resource type: Journal article
Source: Revista de Pesquisa: Cuidado é Fundamental Online; Vol 1, No 2 (Year 2009).
DOI: http://dx.doi.org/10.9789/2175-5361.2009.v1i2.%p
Publisher: Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro
Usage rights: Reconocimiento - NoComercial - SinObraDerivada (by-nc-nd)
Subjects: Applied Sciences --> Nursing
Abstract: Objetivos: Identificar os agentes estressores no trabalho de enfermagem e discutir as reações apresentadas para minimizar os agentes estressores na atividade laboral. Método:Trata-se de uma pesquisa descritiva com abordagem qualitativa, que utiliza entrevista semi-estruturada para coleta de dados. Estudo realizado nos setores fechados de um Hospital Maternidade, situado no Município do Rio de Janeiro, tendo como participantes 28 trabalhadores da equipe de enfermagem. Resultado: Os fatores estressores no Centro Cirúrgico Obstétrico são referentes ao relacionamento interpessoal e na Unidade de Cuidado Intensivo a organização do trabalho. Conclusão: O estudo assinalou a necessidade de criação de espaços institucionais que proporcionem maior interação entre os membros da equipe, onde os sujeitos possam verbalizar os sentimentos de ansiedade, de insatisfação, e de conflito, vivenciados no ambiente de trabalho. Descritores: Enfermagem; estresse; saúde do trabalhador.
Translated abstract: Objective: This study aimed to: identify possible stressors agents at nursing work and discuss the reactions shown to minimize the stressors agents on staff working activity. Method: This is a descriptive research with a qualitative approach, semi-structured interview used for data collection. Conducted in closed sectors of a Maternity Hospital, located in Rio de Janeiro, with 28 employees participants of the nursing team. Results:The Stressors factors in the Surgical Center Obstetric are directed to interpersonal relationships and in Intensive Care Units of work organization. Conclusion: The study identified the need for creation of institutional spaces that provide more interaction among team members, where the subject can express the feelings of anxiety, of dissatisfaction and conflict, experienced in the workplace. Descriptors: Nursing, stress, occupational health.